olá!!!

Espero que neste blog você possa sentir,ao ler meus textos um pouco da sua infância , dos seus amores um pouco de mim!!!
Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 8 de maio de 2010

Mãe!!

O que é este ser tão contraditório?  

Nunca consigo entender o que de fato minha mãe quer.., alguém consegue??
Ela semper me fala: tira essa roupa ,vai morrer de calor mesmo? E depois : coloca um casaco não quer ficar gripada né?
Fora que quando saio ela diz: tá muito saidinha ,não para mais em casa.E quando fico em casa :Ô minha filha só dentro de casa estudando... vá da uma voltinha na pracinha(rsrsrs)!!
Tá vendo??
Isto quando não é com namorado : aff não gosto desse rapaz ele tem uma cara estranha!! E quando acaba o namoro: ô minha filha por que acabou ?gostava tantooooo dele!!(tu acha?)
Sem falar que tudo que elas querem é que sejamos adultos.. mas pra que isso então??
Ô TOSSA LINDA DA MÃE!!
 É algo humilhante(mas quem não adora isso?)
Só mãe mesmo pra ser o oposto e depois o contrário de novo!!
UFA!!! VAI  ENTENDER!!
Mas se você tiver uma dessas em casa ame todos os dias de sua vida ,mas ameeeee mesmo como se você nunca mais fosse vê-la ame os gritos e sua cobranças ..
Que bom que ainda os tenho...

                                         FELIZ DIA DAS MÃES!!!
                                                                                                                  ANA CAROLINE



Universo de aparências!!!

Eu sei que atrás deste universo de aparências, das diferenças todas a esperança e preservada.
Nas xícaras sujas de ontem o café de acada  manhã é servido, mas existe uma palavra que não suporto ouvir e dela não me conformo .
Certo...!! eu acredito em tudo ,mas o que eu posso fazer, se quero você agora;?
Eu te amo pelas tuas falhas,pelo teu corpo marcado,pela tuas cicatrizes,por suas loucuras em minha vida; por nossas loucuras juntos!!
Eu amo tuas mão mesmo que por causa delas eu não saiba o que fazer das minhas ,seus dedos inquietos ,suas unhas roídas !!
Amo teu silêncio
Teu jogo sujo
A tua alegria mesmo sem ser comigo.
Te amo pela tua essência..
Te amo pelo que você é..
E te amo mais ainda pelo que você poderia ter sido..
Te amo por tudo que passamos ..
Por cada momento de felicidade e tristeza (os mais intensos foram ao seu lado)
Por sonhar comigo..
Te amo por me acolher em seus braços quando eu estava triste..
Por me sufocar de beijos ...
E te amo por tudo que ainda iremos VIVER!!!

                                                                                                        CAROLLIMA

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Conversas a noite!!

Não sei o que acontece comigo , me sinto só ,vazia sem você, incompleta, preciso de algo mais do que só te olhar de longe,preciso te sentir mais proximo de mim.sentir seu doce afago.sinto  falta de quando andavamos por entre as ruas, sem sentir, sem ouvir o que falavam.
Depois de tanto tempo não tenho mais as conversar , contava horas e horas o que eu havia sonhado ,te falava histórias minhas ,fecho os olhos e lembro dos seus traços ,dos beijos cheios de amor,beijos fortes que chegavam a me sufocar,sinto o seu tocar ao violão,suas caras engraçadas seus dedos..
Sinto falta da sua vergonha ,das loucuras proferidas em silêncio .

Ainda vejo as conversar com sua família.onde ficavamos horas e horas rindo sem parar,ainda sinto seu cheiro,seu toque,sua voz ao cantar,ainda lembro das conversas a noite ,do teu corpo marcado,das brigas que levaram ao fim o nosso amor!! será?






Sinto sua falta...

Sinto sua falta...
Lembro dos passeios no parque
Da sua mão pousada sobre a minha
Lembro-me das frases apaixonadas
Proferidas com simplicidade
Sinto falta dos beijos doces e suaves
Profundos...intensos...
Lembro de como você me olhava de forma terna
Do modo como tocava os meus cabelos
Lembro-me do dia em que a chuva nos pegou desprevenidos
E, mesmo encharcados, rimos da situação...
Lembro-me do quanto ríamos da nossa própria “desgraça”
Sinto falta do jeito que me chamava
Do apelido que só você sabia
Lembro de como tudo era tão simples
E tão perfeito
Sorrio ao lembrar do teu sorriso
Choro com suas tristezas
Emociono-me com suas conquistas
Absorvo os seus sentidos
Sinto falta de como ficava nervoso
Quando o trânsito estava parado
Lembro de cada traço do teu rosto
Sinto falta da tua carinha de levado
Quando queria algo de mim
E não tinha certeza se podia pedir...
Adorava isto!
Sinto saudade quando cantávamos
As mais diversas canções
De amor e dor de cotovelo
Lembro-me da nossa primeira discussão...
Nossa! Como fiquei arrasada!
Lembro-me de como era bom acordar ao teu lado
E ver sua carinha amassada de sono
Lembro-me do dia em que escalamos aquela montanha
Que eu tanto queria conhecer
E, de lá, vislumbramos a mais linda paisagem
E sorrimos dizendo juntos:
Uaaaauuuu!
Lembro das nossas histórias contadas com entusiasmo
Lembro-me exatamente do dia
Em que me disse pela primeira vez:
- “Eu te amo”...
Sinto saudade do nosso sexo
Perfeitamente encaixados
Sinto falta do teu cheiro
Do teu gosto
Do teu suor em meu corpo
Do teu afago
Lembro de cada traço do seu rosto
De cada sinal do teu corpo
Sinto falta de você:
O amor que nunca tive